As espiãs do dia D

Estou sumindo e voltando, mas estou aqui gente, vou ver se faço varias das resenhas que estão atrasadas e coloco na programação, assim não fico em falta com vocês e consigo estudar para as provas finais da faculdade.

Recebi esse livro da Editora Arqueiro, eu estava com muita vontade de ler um livro do Ken Follett, principalmente por causa dos marcadores, que são lindos, e quando vi esse no lançamento do mês fui ver do que se tratava a historia e eu quis na hora.

Nesse livro o Ken Follett traz uma nova visão, acho que podemos dizer assim, da Segunda Guerra Mundial, esse tema está muito em foco ultimamente e estou gostando muito, adoro saber um pouco mais da Segunda Guerra, e mesmo sendo um livro fictício, acho que te faz pensar no que aconteceu realmente e ir procurar um pouco mais para saber o lado real.

O livro se passa quando a França já foi tomada pelos alemães, mas as forças aliadas planejam libertar a Europa e eles ignoram quando e onde eles irão fazer isso, mas sabem que em muitas frentes de batalhas estão perdendo e não há um grande contingente de soldados a disposição para derrotar essa invasão e manter a França.

Felicity Clairet é uma inglesa e é a principal espiã dos aliados, ela sabe que as linhas de comunicações montadas em um palácio de Sainte-Cécile é uma das peças mais importantes para que Hitler consiga manter as suas tropas nos países que invadiu, inclusive a França, assim, a sua meta é destruir essa central telefônica.

Porém, em uma tentativa de invasão e destruição, o marido de Felicity, que é líder da Resistencia francesa é baleado e o seu grupo é dizimado, como ela era a chefe dessa operação a sua credibilidade é posta em prova, mas ao mesmo tempo, ela já começa a planejar um novo ataque e depois de alguma luta, ela consegue ter uma ultima chance.

Ela tem exatamente nove dias para consegue formar uma equipe somente de mulheres, onde cada uma deve ter uma qualidade especifica, tem que treinar essas mulheres, preparar toda a documentação e entrar no palácio como faxineiras.

Ela sabia que seria extremamente difícil, mas não tinha ideia do quanto e quantos problemas encontrariam pela frente, já que o Major Dieter Franck, das forças alemãs faz de tudo para conseguir intercepta-la e acabar com qualquer possibilidade de invasão, inclusive utilizando métodos terríveis de torturas em seus interrogatórios para saber o máximo que consegue.

Bem, o que posso dizer desse livro? É maravilhoso, eu tive a sensação de estar vendo um filme com muita ação e momentos de aflição, com muita inteligência envolvida. Achei os personagens bem desenvolvidos, principalmente os principais, a Felicity e o Major Dieter, que são extremamente inteligentes. Gostei muito da escrita do Ken Follett e já estou com vontade de ler outros.

Então recomendo para todos, principalmente para quem gosta de ação e suspense e a temática da Segunda Guerra Mundial.

Quem já leu, deixe nos comentários o que achou, se gostou tanto quanto eu.

*Livro cedido pela editora para resenha.

Sinopse: As Espiãs do Dia D - Segunda Guerra Mundial. Na fúria expansionista do Terceiro Reich, a França é tomada pelas tropas de Hitler. Os alemães ignoram quando e onde, mas estão cientes de que as forças aliadas planejam libertar a Europa. Para a oficial inglesa Felicity Clairet, nunca houve tanto em jogo. Ela sabe que a capacidade de Hitler repelir um ataque depende de suas linhas de comunicação. Assim, a dias da invasão pelos Aliados, não há meta mais importante que inutilizar a maior central telefônica da Europa, alojada num palácio na cidade de Sainte-Cécile. Porém, além de altamente vigiado, esse ponto estratégico é à prova de bombardeios. Quando Felicity e o marido, um dos líderes da Resistência francesa, tentam um ataque direto, Michel é baleado e seu grupo, dizimado.

Abalada pelas baixas sofridas e com sua credibilidade posta em questão por seus superiores, a oficial recebe uma última chance. Ela tem nove dias para formar uma equipe de mulheres e entrar no palácio sob o disfarce de faxineiras. Arriscando a vida para salvar milhões de pessoas, a equipe Jackdaws tentará explodir a fortaleza e aniquilar qualquer chance de comunicação alemã – mesmo sabendo que o inimigo pode estar à sua espera. As espiãs do Dia D é um thriller de ritmo cinematográfico inspirado na vida real. Lançado originalmente como Jackdaws, traz os personagens marcantes e a narrativa detalhada de Ken Follett. 

Para comprar é só clicar em um dos links: AmericanasSubmarinoFNACLivraria da Travessa ou Livraria Cultura

18 comentários:

  1. Oi, tudo bem?
    Estou muito curiosa para ler este livro. Adoro livros com Segunda Guerra Mundial e ainda com ação como você falou.
    Que bom que sua resenha é bem positiva que me anima mais.


    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi. Faculdade nos consome e quando acaba não é diferente hahahahha...
    eu gosto de tudo que discorre sobre II guerra, sou fascinada por livros do período, acredito realmente que deva ser maravilhoso, é uma época com muitas histórias para serem exploradas, quanto mais livro: melhor!

    ResponderExcluir
  3. Oi, flor!
    Ainda não li nada do autor e, assim como você, sempre quis ler. Gostei muito do enredo desse livro. Recentemente, assisti a um filme que se baseou na vida do matemático Turing e trouxe à tona a importância da decodificação das mensagens alemãs para vencer a II Guerra. Achei muito interessante! Como você mesma disse, conhecer outros lados desse evento terrível nos faz ter uma perspectiva mais real. Enfim, achei interessante que o autor tenha colocado um grupo de mulheres como seu enfoque e uma mulher como a principal líder. Gostei e anotei a dica.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Adoro tramas que envolvam a segunda guerra mundial, pena que li poucos livros sobre.
    Não sabia sobre o que esse se tratava e adorei! Com certeza precisarei ler.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Gosto dos livros quando lemos e pensamos que estamos num filme ou pensa com certeza daria um bom filme.
    Não leio muito sobre o tema mas adoro um bom suspense
    Ache essa capa divina
    Adorei sua resenha

    ResponderExcluir
  6. Adoro livros com a temática da Segunda Guerra. (Não só livros, filmes, documentários, exposições. Sou fascinada.)
    Fiquei extremamente encantada com a trama desse livro, acho que eu ia ter um ataque lendo. Vou correr pro Skoob marcar esse ivro como Quero. Hauhauhauha

    ResponderExcluir
  7. Oi, nunca li nada do autor
    fiquei curiosa em relação ao livro,
    adoro livros que envolvam temática histórica.
    E esse parece se encaixar bem nesse estilo.
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi, nunca li nada do autor
    fiquei curiosa em relação ao livro,
    adoro livros que envolvam temática histórica.
    E esse parece se encaixar bem nesse estilo.
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Nunca li nada do autor, mas esse livro especificamente não me chama atenção, pois apesar de gostar de suspense, não curto histórias ambientadas na segunda guerra.
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Nunca li nada do autor, e esse livro me parece maravilhoso!
    Apesar de não gostar de livros que se passem em períodos entre guerras, a premissa desse me chama a atenção e sua resenha só me deixou com mais vontade ainda de lê-lo.
    Adorei!
    Beijão!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
  11. Realmente segunda guerra é um tema que está bem em alta ultimamente.
    Gostei do enredo, mas por não gostar muito da temática da segunda guerra acho que não leria.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu achei a capa desse livro super bacana, mas como não é do gênero que costumo ler acabei não solicitando para a editora, sabe? Mas lendo a sua resenha fiquei bem curiosa, toda essa coisa de uma equipe só com mulheres com qualidades específicas deve ser bem bacana de acompanhar.

    Beijos :*
    Larissa - srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Li sua resenha bem por cima, pois esse livro tá na minha lista de compras do mês e quero ter surpresas. Eu fiquei encantada pela título da obra e sua capa, são muitos chamativos. Como tem suspense, creio que irei gostar.

    http://teoremasdamimosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oii, tudo bem com você?
    Eu ainda não conhecia o livro, mas achei bem interessante. Assuntos de Guerra é bem interessante, e como você mencionou, nos dá uma ideia do que aconteceu naquele tempo.
    Adorei a sua resenha, bem explicada, parabéns.

    Beijos da Jéss ♥
    Brilliant Diamond | Fan Page

    ResponderExcluir
  15. Oie Tatiane! ^^
    Ainda não tinha visto esse livro, mas a história parece ser muito boa, gosto de livros que trabalhem História mesmo sendo como esse onde algumas coisas são inventadas e trabalhadas em cima do que estava ocorrendo, a leitura continua sendo muito interessante.

    Beijos e até logo! ;)
    https://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  16. Olá; ainda não conhecia o livro e achei a trama bem interessante e diferente do que eu já li com essa temática. Fiquei com vontade de conhecer a história toda.

    ResponderExcluir
  17. Certo, esse livro não me chamava atenção. Tenho uma fila imensa e o tempo acaba sumindo, mas depois de ler a resenha e sentir o girlpower eu preciso. Adorei a resenha e amo a segunda guerra mundial.
    E concordo com vc sobre os marcadores, são sempre lindos né?
    Obrigada pela resenha

    ResponderExcluir
  18. Oie, tudo bom?
    Não tinha lido nenhuma resenha desse livro ainda, mas gosto de narrativas com a temática da segunda guerra. Os momentos de ação do livro também parecem instigantes. Gostei da dica.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir